20/05/2019 Undime

Todas as notícias Categorias

Educação Conectada: escolas devem realizar diagnóstico por meio do PDDE Interativo

Todas as escolas das redes que aderiram ao Educação Conectada devem responder o questionário

Está disponível na plataforma PDDE Interativo uma ferramenta para que as escolas possam realizar um diagnóstico sobre o grau de adoção de tecnologia na gestão e nas práticas pedagógicas. A informação é do Ministério da Educação.

O objetivo do questionário é ajudar o diretor da escola no planejamento do uso de tecnologia. Segundo o MEC, o conjunto de respostas da rede ajudará também a Secretaria de Educação a planejar as políticas e ações nessa área. A intenção é obter um retrato realista da rede de ensino.

A ferramenta que permite a escola realizar o diagnóstico foi desenvolvida com base na metodologia de planejamento do Guia Edutec, cedida ao MEC pelo Centro de Inovação para a Educação Brasileira (Cieb). O questionário deverá ser respondido pelo diretor da escola, acompanhado de ao menos outros dois professores, de preferência um que use habitualmente tecnologia em suas práticas pedagógicas e outro que não a utilize.

Ele está dividido em quatro dimensões: visão, formação, recursos educacionais digitais e infraestrutura. Para respondê-lo, o MEC calcula um tempo médio de 20 minutos e, quando terminar de preencher as respostas, o diretor receberá por email uma devolutiva com sugestões de medidas concretas para a escola.

Procedimentos

Todas as escolas da rede deverão preencher o diagnóstico. Essa fase é obrigatória para que os Estados e Municípios continuem a participar do Programa. Os dados servirão de referência para as tomadas de decisões e inclusive para os futuros repasses de recursos.

Para preenchimento do diagnóstico pelas escolas, são necessárias duas etapas:

1ª etapa: a rede Municipal ou Estadual de Educação, por meio do “Modulo Educação Conectada” do Simec, deve abrir o diagnóstico para as escolas.

O acesso deve ser feito pelo Secretário de Educação que, no Simec, deve entrar na “aba” Diagnóstico e após ler o comunicado, deve clicar no botão “Abrir Diagnóstico para as Escolas”. Nesse momento, as ações se voltam para o PDDE Interativo e apenas os diretores das escolas seguem no processo de diagnóstico que permitirá avaliar o quanto a tecnologia e inovação estão presentes nas práticas educacionais.

2ª etapa: as escolas devem abrir o diagnóstico do Programa, dentro da Aba de “questões estratégicas” no PDDE interativo e, após o preenchimento do diagnóstico, podem acessar a devolutiva da rede (confira aqui o passo a passo).

Caso alguma escola da rede esteja sem acesso ao PDDE interativo, o acesso deve ser habilitado pela própria Secretaria Municipal ou Estadual ao qual estiver vinculada, conforme Tutorial de Gerenciamento de Perfis.

Dúvidas

Em caso de dúvidas e impasses em relação ao Diagnóstico do Programa de Inovação Educação Conectada, as demandas devem inseridas no Fale Conosco do Portal do MEC, disponível no link http://mec.cube.call.inf.br/auto-atendimento/navegacao-informacoes/#/0.

Além disso, o MEC sugere que os diretores e ou Dirigentes Municipais de Educação peçam orientações ao Articulador Estadual ou Municipal do Programa Educação Conectada de sua rede, pois ele está habilitado a apoiar essa ação no estado e municípios. Existe também na plataforma AVA - MEC http://avamec.mec.gov.br/#/, um curso aberto de formação para o Programa de Inovação Educação Conectada.

Fonte: Undime com informações do MEC

Todas as notícias Todas as categorias